Conheça 12 cuidados que fortalecem e evitam a queda dos cabelos

O corre-corre, turnos estafantes no trabalho, estresse, má alimentação, trânsito engarrafado, preocupações extras e outros fatores, como genética, podem ser responsáveis pela queda de cabelo. Independente do motivo, nunca é tarde para se cuidar e prevenir o problema. Usar um bom shampoo, cuidar do couro cabeludo, evitar o estresse, escolher a escova certa, praticar mais exercícios, repor colágeno são alguns dos hábitos que fortalecem os cabelos e previnem a queda dos fios.

Aprenda a seguir como ter cabelos mais saudáveis e bonitos com 12 cuidados:

1 – Reduzir seu estresse: estudos mostram que uma boa parte dos pacientes que reclamam de queda capilar, apresentam ou apresentaram algum tipo de estresse que pode ter sido causador da queda capilar.

2 – Ficar atento ao couro cabeludo: boa parte das pessoas se queixam de queda capilar, relatam que apresentam ou apresentaram ou situações de caspa ou descamação, feridas, dor e coceira de couro cabeludo.

3 – Manter o couro cabeludo sempre limpo e higienizado: algumas pessoas acreditam que os cabelos caem mais durante o banho e evitam lavar os cabelos. É importante saber que os cabelos não estão caindo porque estamos lavando o couro cabeludo e sim porque estão programados para cair, independente do banho. Na verdade, quando deixam de lavar para evitar a percepção de queda que o banho causa, acabam deixando o couro cabeludo sujo por mais tempo e a sujeira, por si só, poderá agravar ainda mais a queda de cabelos.

4 – Fazer exercícios físicos: exercícios liberam endorfinas que diminuem o estresse e consequentemente a queda de cabelos.

5 – Diminuir ou evitar o consumo de álcool e cigarros: a ingestão de álcool provoca aumento da produção de radicais livres no nosso corpo. Radicais livres promovem inflamação em alguns tecidos, incluindo a pele do couro cabeludo. Toda inflamação poderá promover aumento da queda de cabelos. Além disto, o álcool, por si só desgasta o organismo já que exige de nosso corpo um esforço maior para metabolização do etanol. O desgaste do metabolismo é um dos fatores que podem levar à queda capilar. Cuidado também com o tabagismo. É provado cientificamente que o fumo, por produzir radicais livres em nosso corpo facilita a queda capilar.

6 – Corrigir problemas hormonais: muitas quedas de cabelo estão relacionadas a problemas hormonais. O diagnóstico destes problemas e a correção dos mesmos muitas vezes é suficiente para interromper a queda capilar.

7 – Evite a ansiedade: cabelos não se recuperam da noite para o dia. Ficar olhando no espelho desesperadamente à procura de fios novos não ajuda em nada. Para piorar, a ansiedade agirá como o estresse, aumentando a queda capilar.

8 – Não prender os fios molhados: fazer isso uma vez ou outra não tem problema nenhum. Mas achar que vai domar o volume dos fios dando um bom nó em volta deles é assinar um atestado de raiva permanente. Usar um leave-in e evitar o vento enquanto a cabeça não seca são medidas suficientes para evitar o cabelo armado demais.

9 – Não passar chapinha no cabelo molhado: a gravidade é tanta que dá para sentir os efeitos na mesma hora. Os fios são profundamente agredidos. Além de queimados, eles se quebram. O único jeito de consertar é cortando. Antes de usar a prancha, seque bem os cabelos. Nem úmidos eles podem estar.

10 – Escolha a melhor escova: usar uma escova inadequada também pode danificar os fios, deixando aquele aspecto de cabelos quebrados.  As escovas com pinos que apresentam bolinhas de massagem na ponta protegem o couro cabeludo e oferecem mais leveza na hora de desembaraçar.

11 – Cuidar da alimentação: a alimentação é essencial para fortalecer os fios e para estimular o crescimento deles. Alguns nutrientes específicos como os minerais (zinco, selênio, cálcio, silício e ferro), além das vitaminas (E, C e do complexo B), proteínas e grão integrais.

12 -Repor Colágeno no organismo: Muito provavelmente, em algum momento da vida, você já deve ter ouvido falar do colágeno, certo? Trata-se de uma proteína muito importante no nosso corpo, produzida naturalmente pelo próprio organismo e presente em todos os tecidos conjuntivos, inclusive, pele, dentes, unhas e cabelos.

O seu nome deriva do grego ““kolla”, que significa cola, o que explica perfeitamente a sua função: manter o corpo unido ou “colado”, já que, sem ela, ele iria, literalmente, cair. Estima-se que o colágeno constitui cerca de 30% da proteína total do organismo.

Parte fundamental da estrutura capilar, o que pouca gente sabe é que essa proteína é capaz de hidratar as nossas madeixas profundamente e, tal como na pele, rejuvenescer os fios de maneira eficiente, deixando-os mais brilhosos, macios e fortes, além de promover o crescimento saudável.

Por isso, é necessária a sua reposição através de suplementos de colágeno, como cápsulas, balas e pós, para manter o cabelo sempre saudável, jovem e bonito.

Comentários